Se você teve uma noite maravilhosa, mas está sentindo dor nas pernas, na coluna, e se sente exausto? Isso significa que seu preparo físico não está bom para um esforço físico maior como uma relação sexual.

O ato sexual existe um grande esforço físico e exige dos músculos mais do que muitas vezes eles estão acostumados a dar. Segundo especialistas, os exercícios físicos são fundamentais para ajudar na hora do sexo. Além de emagrecer e levar mais autoestima, a pessoa aumenta seu preparo físico e consegue melhorar seu desempenho sexual.

  • Resistência física

Para ter fôlego e aguentar muito mais tempo na relação sexual, você precisa ter uma vida saudável e praticar exercícios físicos aeróbicos como a caminhada, corrida, ou até mesmo a natação. As pessoas mais ativas sexualmente relatam que seu preparo físico é o que determina quanto tempo você vai aguentar durante o ato sexual.

O corpo quando está acostumado as atividades físicas, consegue proteger até o coração da sobrecarga que ocorre no sexo. Portanto, é indispensável ter uma frequência de exercícios na sua rotina para prolongar o prazer durante a relação.

  • Músculos fortalecidos

As posições que as mulheres ficam durante o sexo, geralmente exige muita força nas pernas e se ela não tiver um preparo físico para isso, no outro dia esses membros podem doer por muitos dias.

Uma dica que especialistas recomendam é que as mulheres pratiquem um simples exercício, o agachamento e o pompoarismo. Porque trabalha o quadríceps, o glúteo, a parte da coxa da mulher e a musculatura pélvica da mulher. Ou seja, esses exercícios ajuda e muito para deixar a relação muito mais prazerosa.

E para os homens a dica é deixar os braços mais fortes para dar o suporte total da relação. Especialistas recomendam o uso dos tradicionais supinos para deixar os braços sempre em forma e com resistência. Também tem que ter cuidado para malhar os braços sem sofrer lesões, então é importante a ajuda de um profissional da área.

  • Abdominal é excelente para atividade sexual

Os homens e as mulheres precisam ter um abdômen malhado para ter resistência durante o sexo. O segredo é exercitar diariamente quatro tipos de exercícios que trabalhem essa parte do corpo.

  • Fortalecimento da coluna lombar e alongamentos

Esses são muito solicitados na atividade sexual e fortalecer esses músculos é muito importante para a melhoria do desempenho sexual. Além disso, se você tem esses músculos fortalecidos, dificilmente terá dores nas costas no dia seguinte da relação.

Educadores físicos recomendam a prática de exercícios como extensão e flexão da coluna e do quadril, exercícios de inclinação lateral do tronco e muitas abdominais por dia, para manter o corpo resistente e saudável.

Os alongamentos para a região da coluna e pernas, na região posterior da coxa melhoram as articulações e evitam lesões durante a relação sexual. Aulas como yoga e pilates estimulam o alongamento de forma específica e responsável. É uma boa dica para quem quer deixar o corpo pronto para atividades sexuais.

Para as mulheres, é interessante o exercício do fortalecimento do quadril. Utilizando uma bola, chama bola suíça, as mulheres podem sentar e fazer círculos com o quadril no sentido horário e anti-horário. Isso faz com que a pessoa projete a pelve para frente e para trás, contribuindo para um melhor desempenho na hora do sexo.

Cuide da saúde da sua parte íntima

Tanto para a mulher, quanto para o homem, ter a parte íntima suja ou mal cheirosa é um péssimo sinal, certo? É importante que seja feita a devida higienização do pênis e da vagina para que estejam sempre limpos e despertar o desejo.

Com certeza a parte íntima cheirosa desperta muito mais desejo do que o contrário. Também é fundamental o uso de preservativos para evitar doenças sexualmente transmissíveis que possam impedir futuras relações sexuais.

Para acompanhar a saúde da sua parte íntima, é importante fazer exames de sangue periodicamente para verificar e manter as taxas hormonais controladas para evitar desequilíbrios que possam ser prejudiciais à saúde.

É fundamental evitar hábitos como o consumo exagerado do álcool, o tabagismo, e o sedentarismo, por exemplo. Eles prejudicam o sistema cardíaco e podem refletir diretamente nas suas funções sexuais.

 

 

  • Alimentação saudável

Tudo que você come vai influenciar na sua saúde sexual. Os nutrientes em falta e pouca produção de neurotransmissores do prazer e bem-estar, faz com que seu desempenho sexual até a fertilidade seja prejudicado. Por isso, para os homens por exemplo, existem alimentos que ajudam na ereção.

O amendoim, ovo e temperos como pimenta e canela, beneficiam a circulação do sangue e melhoram a ereção. A vitamina B3 do amendoim melhora na circulação da região sexual, já a vitamina E presente no ovo, aumenta a libido e apetite sexual. Os alimentos gordurosos, no entanto, aumentam o colesterol e podem levar a disfunção erétil.

  • Curvatura do seu pênis

Existem problemas na curvatura peniana como a congênita e a doença de Peyronie, elas prejudicam no desempenho sexual do homem porque pode trazer problemas de ereção, dificuldades de penetração e pode incomodar a parceira (o). Por isso é muito importante prestar atenção na saúde do seu pênis para conseguir uma vida sexual saudável.

  • Estar bem psicologicamente

Não importa estar bem nos aspectos físicos, na parte da saúde e no psicológico estar enfraquecido. A parte mental é fundamental para manter seu corpo saudável e melhorar seu prazer sexual. Por isso é essencial conhecer seu próprio corpo, dormir bem as horas de sono, entender todos os seus desejos para manter seu bem-estar e assim aumentar sua ereção e desempenho no sexo.

 

Leia também!

9 POSIÇÕES SEXUAIS PARA ORGASMOS MÚLTIPLOS!

COMO AUMENTAR SEU APETITE SEXUAL

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *